E-learning corporativo

Como implantar o EAD na sua empresa

Se há alguns anos o e-learning (ensino à distância) era apenas uma tendência no Brasil, hoje em dia já é uma grande realidade e está em constante crescimento. Cada vez mais, além das instituições, as empresas têm escolhido o EAD para aplicar treinamentos corporativos, isso porque esse modelo traz ótimos benefícios.

Mas vamos começar do início: o que você precisa para aplicar treinamentos à distância na sua empresa?

Conseguimos desmembrar esse modelo de e-learning corporativo em dois pilares: Plataforma e Cursos.

 

Plataforma de EAD

A plataforma é como uma universidade corporativa online. Conhecida como LMS (Learning Management System ou em português Sistema de Gestão de Aprendizagem) é o portal em que os usuários vão acessar, fazer o login e ter acesso aos cursos. Além dos usuários classificados como “alunos” também é muito importante a criação dos usuários “gestores” e “tutores”. Os usuários “gestores” são os usuários que terão acesso total à parte administrativa da plataforma. Ou seja, eles terão acesso a todas as informações dos usuários, cadastros, matrículas, relatórios diversos, acessos, notas… Enfim, terão acesso a tudo. Já os usuários “tutores” são responsáveis por turmas ou cursos específicos. Então eles terão acesso a relatórios de notas e progresso referentes às turmas que eles são responsáveis, mas não farão alterações administrativas. Para essa etapa, o mais indicado é que você escolha uma empresa especializada que já possua uma plataforma estável e com diversas funções e relatórios. Algumas empresas ainda optam por criar a sua plataforma do zero, mas isso não é muito indicado, pois além de um investimento maior, isso levará muito tempo para ser desenvolvido. No mínimo, teriam que ser criados: rotinas de cadastro, edição e matrícula de usuários; criação de diferentes perfis, criação de relatórios de notas e progresso; criação de atividades diversas (Ex.: fórum de discussão, chat, módulo de Scorm, módulo de avaliações com perguntas aleatórias, gerador de certificado, etc). Ou seja, um bom LMS não é apenas um local onde posta-se conteúdos, mas sim, uma ferramenta capaz de gerar informações gerenciais sobre o nível de conhecimento de todos os participantes.

 

Cursos

Os cursos são os conteúdos que serão apresentados para o usuário acessar e estudar. Cada curso pode ser composto por diversos tipos de materiais como: vídeos, apostilas, PDFs, ebooks, SCORMs (módulos interativos), fóruns de discussão, avaliações, certificado, vídeo conferência… Nessa etapa é importante você fazer um planejamento de como é a melhor maneira de apresentar o conteúdo para o seu público alvo. Por exemplo: Tenho um conteúdo em um arquivo de WORD com 50 páginas. Ao invés de apenas colocar esse arquivo de texto para os usuários acessarem, é preciso pensar como podemos apresentar esse conteúdo de uma forma mais atrativa. Podemos, por exemplo, dividir esse conteúdo em 10 módulos, e em cada módulo gravar vídeos sobre o conteúdo abordado, além de pegar o texto referente a esse módulo e deixar como um material de apoio. Também seria indicado colocar algumas questões ao final deste cada módulo para verificar se os usuários entenderam e absorveram o conteúdo. Assim, apenas se ele acertar um número mínimo de questões da prova, ele conseguirá ter acesso ao próximo módulo. Uma alternativa à gravação de vídeos, seria transformar esse conteúdo em um curso interativo com ilustrações, personagem animado, narração, e animações, onde o usuário interage em cada tela (clicando nos itens) para ver as informações e realizar no treinamento.

Espero que agora você consiga iniciar o seu projeto de e-learning corporativo!

Conheça a plataforma de e-learning da Studio EAD. Acesse: http://www.studioead.com.br/3/plataforma-studio-ead-pro/
E veja também sobre o nosso serviço de desenvolvimento de cursos interativos: http://www.studioead.com.br/3/e-learning/

 

Maurício Nocêra

Author Maurício Nocêra

Sócio da Studio EAD Experiência de mais de 10 anos no desenvolvimento e aplicação de e-learning.

More posts by Maurício Nocêra

Leave a Reply